E mais um ano se foi…

Publicado: 18 de dezembro de 2014 por Kzuza em Geral
Tags:,

C-A-R-A-L-H-O!

Desculpem-me pelo palavrão logo no início do texto, mas não tenho como começar meu tradicional desabafo de final de ano senão com essa expressão de indignação! Que ano marcante!

Não, não vou dizer que, mesmo tendo sido o ano mais difícil da minha vida, esse tenha sido um ano de merda. Não, não sou tão pessimista e negativista a esse ponto. Uma paulada de coisas boas aconteceram, suficientes para atenuarem todas as dificuldades que enfrentei.

É lógico que não foi nada fácil encarar as grandes perdas que tivemos esse ano, como a Dona Maria, avó dos meus primos e que por tabela era minha avó também, e do meu tio Gonção, padrinho da minha irmã e meu por tabela também. Também não foi nada fácil encarar os perrengues que passamos com a minha avó esse ano (que o diga meu pai!).

O final do ano também tem sido especialmente difícil para mim. Depois de mais de 5 anos de casados e mais de 8 anos juntos, eu decidi me separar da Juliana. Ela foi sem dúvida a pessoa quem eu mais amei e com quem eu passei os melhores momentos da minha vida, mas infelizmente acabou, por uma série de fatores que nem devem ser detalhados aqui. Certamente foi a coisa mais difícil que fiz na minha vida, mas estou disposto a arcar com todas as consequências em nome da minha felicidade.

Mas também foi o ano de muita coisa boa, a começar pela excelente viagem que fiz à Europa. Conheci lugares que sempre tive vontade de conhecer e, graças a Deus, corresponderam às expectativas. Budapeste é fantástica e ficará para sempre na lembrança, assim como foram todas as cidades da Croácia.

E nada se compara à felicidade de ter ganho meu primeiro sobrinho. O João nasceu em Setembro, 10 dias antes de eu ganhar também uma nova sobrinha-galeta: a Lara. Também nasceu agora o Davi, filho dos meus amigos Leandro e Priscila, e irmão da Letícia.

Só que o mais importante nesse ano turbulento foi ter descoberto o tanto de amigos valiosos que eu tenho. Não vou nem falar da minha família, porque eu nunca tive dúvida do quanto eles eram foda demais, mas meus amigos realmente me surpreenderam para o bem. Não falo daqueles que já me acompanham há tanto tempo e de quem eu jamais esperaria nada diferente de tanto amor e atenção, mas aqueles que me encheram de carinho mesmo sem nenhum motivo aparente. A todos vocês, realmente eu só tenho a agradecer.

No fim, só espero que 2015 seja novamente de muito mais notícias boas do que notícias tristes. Que eu encontre meus primos em mais churrascos e em menos velórios. Que a gente tenha muito mais motivos para rir do que para chorar. E que a felicidade de cada um seja atingida. Será um ano certamente melhor para todos nós.

A você e à sua família, um excelente Natal e um ótimo Ano Novo!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s