Eurotrip – 17º dia – Hvar/Croácia

Publicado: 22 de agosto de 2014 por Kzuza em Viagem
Tags:, ,

E para quem achou que não sobreviveríamos, cá estamos nós! Totalmente esgotados, mas vivos. Não sairemos no Jornal Nacional hoje em mais uma tragédia, graças a Deus.

Alugamos o barco aqui em Hvar para ir até o arquipélago de Pakleni. Dá um gúgou aí que vocês vão ver mais fotos do lugar.

O cara que é dono do barco se chama Bozo. Sério. Mas tem um cedilha ou algo assim no “z” e aí se pronuncia Bojo. Mas já começou engraçado por aí. O próprio cara dá umas noções de como operar o motor do barco e como atracar ele nos piers das praias. Não é nada complicado não. Mas é bom uma certa dose de paciência, porque o barco é pequeno e o motor não é muito potente, então o negócio é devagar.

Bem, visitamos várias praias ao longo do dia nesse arquipélago. Uma mais linda que a outra. As fotos estão no Facebook, e como a internet aqui do hostel tá uma bosta, não vou conseguir colocar mais nenhuma aqui.

A última praia em que paramos foi onde almoçamos e bebemos umas (várias) biritas. Depois a Juliana fez uma massagem por lá mesmo. E aí fomos para uma outra praia no lado oposto da mesma ilha, por uma trilha tranquilinha de 200 metros. Lá encontramos um grupo de brasileiros, que estavam por lá num barco de excursão. O pessoal ficou espantado da nossa coragem de ter alugado um barco sem nunca ter pilotado um….hehehehehe…

Voltamos para Hvar só às 19h. Subimos até o hostel, tomamos um banho, descemos novamente até a cidade para jantar e voltamos. Estamos esgotadíssimos. Não sei se foi o dia todo no sol, ou se foi o dia todo num barco, ou se é o final da viagem, ou se foi tudo junto. O que tenho para dizer é que Hvar é maravilhosa. Deveríamos ter agendado mais tempo para ficar aqui e poder conhecer outras praias, porque a ilha é fantástica. Quem tiver oportunidade, precisa conhecer.

Amanhã vamos para nosso último destino: Dubrovnik. De lá voltamos para Munique e depois para São Paulo. A saudade de casa está batendo forte (pelo menos em mim), mas ainda tem coisa interessante para ver.

Surpresa do dia: A ilha está mais lotada de brasileiros do que imaginávamos. Por tudo quanto é lugar.

Presepada do dia: A Juliana estava meio com medo de andar de barco comigo dirigindo. Fazia todo sentido. Mas logo que ela viu que a parada era tranquila, ela foi se soltando. Ela até sentou mais à vontade, deitou na ponta do barco e tals. Mas, como eu já disse, o barco é pequeno, né? Então balançava pacas, principalmente quando a gente pegava algumas ondas um pouco maiores, deixadas como rastros por outros barcos maiores. Numa dessas, a gatinha sensualizando deitada na ponta do barco, e eu vi que uma série de ondas se aproximavam. Reduzi um pouco a velocidade e avisei: olha a onda! Pátz! Foram 3 ou 4 solavancos que jogaram a menina pra um lado e pro outro, quicando na ponta do barco, segurando-se para não ser arremessada ao mar. Parecia que ela estava naquele brinquedo “Labamba”, do Playcenter. Nossa, choramos de rir altas horas com o acontecido….kkkkkkk

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s