Transporte Público

Publicado: 10 de agosto de 2010 por Kzuza em Cotidiano
Tags:,

Descobri hoje um blog interessante que fala sobre as aventuras no transporte público na região metropolitana de São Paulo: http://www.mauaen.se/

Lendo algumas histórias lá, vejo que a realidade de quem mora no ABC é muito semelhante a de quem mora na Zona Oeste da Grande São Paulo (Carapicuíba, Jandira, Itapevi), de onde vim. Não preciso ser inteligente para imaginar que também é o mesmo para quem mora nos extremos da Zona Leste e da Zona Norte também.

Enfim, a leitura foi boa para identificar muita coisa que eu sempre pensei, mas nunca escrevi aqui.

Nada se fala sobre chuvas e enchentes ao longo do ano na cidade de SP. Guardam isso para Janeiro e Fevereiro, quando o bicho pega de verdade. Durante o ano, esquecem de planejar e executar obras que possam de fato resolver os problemas da população. E quanto chegamos no verão, o que acontece? Sobram declarações de que “nada se pode fazer contra essas condições severas de clima”. E prega-se o conformismo. Porque o povo ignorante acredita.

Outro ponto que também me irrita é ver as propagandas bonitinhas da CPTM e do Metrô na TV. O mundo parece 5 estrelas. O que pode até parecer para quem usa esses meios de transporte esporadicamente ou fora dos horários de pico. Porque para quem realmente PRECISA usar o transporte público, porque não tem outra opção, o bicho pega de verdade. É no horário de pico que a realidade se transforma e as deficiências vêm à tona.

Essa expansão descontrolada da cidade só tende a piorar o cenário. A cidade de SP não tem mais para onde crescer, o que faz com que os migrantes continuem a se instalar nas cidades periféricas. E como bem descrito no blog do Mauaense, quem não tem dinheiro, não consegue morar perto do emprego. E não consegue usar o carro para ir trabalhar, porque sai muito caro. E o transporte público não dá conta de atender à sua demanda cada vez maior. E esse ciclo vicioso parece não terminar nunca.

Enfim, caminhamos a passos largos para o caos completo.

Anúncios
comentários
  1. sorte de quem consegue viver e trabalhar em cidades pequenas. Uma solução que poderia ser testada, mas as empresas ainda não entenderam isso, é o home-office. Muitas funções exercidas hoje em dia pode ser feitas remotamente, mas a velha fama de espertalhão do brasileiro sacaneia a ele mesmo novamente.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s