Qual o limite da liberdade de imprensa?

Publicado: 29 de junho de 2010 por Kzuza em Cotidiano
Tags:, ,

Ultimamente tem se falado muito sobre a briga entre o técnico Dunga, da Seleção Brasileira, e a Rede Globo de TV. Também tem se falado bastante sobre as agressões que os membros do CQC, programa humorístico da Rede Bandeirantes, vem sofrendo por aí. Primeiro foi o cinegrafista que acompanhava a repórter (??) Monica Iozzi no Congresso em Brasília, e agora o Danilo Gentili sendo agredido por guardas civis em São Bernardo do Campo.

Antes de continuar escrevendo, queria deixar claro, para quem não me conhece ou não lê frequentemente esse blog, algumas posições minhas:

1 – Eu odeio a Rede Globo de televisão como entidade formadora de opinião. O monopólio pregado pela emissora Marinho e o poder que a foi concedido durante anos e anos de favores prestados ao Governo Federal me fazem ter nojo.

2 – Eu acho o Brasil o país com o pior povo do mundo. Eu estou incluso nesse povo. E os governantes são o reflexo do povo, ou seja, despreparados, covardes, corruptos e vagabundos.

Bem, mas voltando ao assunto inicial, esses dois assuntos vem sendo bombardeados pela mídia digital ultimamente, e chegam a cansar. Mas isso tudo me fez pensar numa coisa: até onde vai o limite da liberdade de imprensa?

A Globo mete o pau no Dunga e faz a população de cabresto acreditar que ele é o pior técnico do mundo, e a pior pessoa também. Sim, meu caro leitor imbecil, ela faz isso sim. Porque a maioria esmagadora da população brasileira, quando tem acesso à informação, seu único meio é através da Rede Globo. Presente em quase todos os municípios do país. E o que eles falam é lei. Não ache que o povo brasileiro é politizado como você. Não acredite que uma campanha de #DiaSemGlobo ou #CalaBocaGalvão no Twitter vai resolver alguma coisa. A parcela do nosso povo que tem acesso a esse tipo de coisa é mínima. E pior: desses que tem acesso, apenas um número insignificante tem discernimento para entender o que estão propondo. O resto é pura onda. Principalmente os nossos jovens de hoje, alienados de plantão.

E formam um monstro. Porque querem que pareça isso. Só porque o cara decidiu colocar limite à imprensa. Resolveu trabalhar sério, à maneira dele. E a mídia não aceita. A mídia quer o Brasil como o Brasil é: uma bagunça. Quer farra! Entrevistas à qualquer hora, em qualquer lugar. Quer jogadores se entupindo de bebida na balada. Quer técnico fazendo festa. Não quer ninguém trabalhando sério, porque isso não é típico do brasileiro. E a Globo quer lucrar. Quer exibir imagens exclusivas. Quer ser mais, sempre mais! E o Dunga não aceitou.

Até onde eles querem chegar?

A questão do CQC é outro ponto interessante. Eu tenho certeza que muita gente vai me achar babaca, ridículo, contra a modinha dos humoristas de terno preto e gravata, mas eu acho que os caras passam do limite sim. É. Eu acho legal pacas mostrar para a população babaca os babacas que eles elegem. Mostrar as falhas cometidas pelos governantes. Mostrar o descaso. Mostrar que nesse país ninguém leva nada a sério. E só.

Mas não. Marcelo Tas e seus companheiros querem mais. Querem IBOPE. Sim, porque na TV, é só isso que importa. E para isso querem submeter os políticos ao ridículo. Querem extrapolar. Invadem o gabinete e agem com ironia, peitam, são petulantes, querem ser superiores, querem se mostrar “ao lado do povo”, e aí acabam se rebaixando ao nível dos nossos políticos medíocres. Uma ação sempre tem uma reação. E quando eles se dão ao trabalho de peitar e discutir com idiotas, acabam passando para o lado deles. Passam a ser idiotas também. E apanham. Porque do outro lado também existem seres ignorantes. Mas apanham não porque gostam, apanham porque dá IBOPE. É. Porque querem parecer coitadinhos. Para o povo acreditar. Parecer coitadinhos porque apanharam dos políticos monstros. Assim como a Globo, coitadinha, apanha do monstro Dunga.

O povo desinformado fica aí, com dó dos poderosos. Dó da Globo. Dó do Escobar, xingado pelo Dunga. Dó da Band. Dó do Danilo Gentili que apanhou da guarda civil, ou do câmera que levou um tapa do deputado.

Por que a Globo se acha com o direito de ter entrevista exclusiva com os jogadores da seleção? Por que o Rafinha Bastos se sente no direito de invadir o gabinete de um subprefeito de SP e despejar esgoto na mesa dele? Ou lixo, como fez em outros casos? Por que Danilo Gentili e Mônica Iozzi se acham poderosos de ir peitar políticos corruptos em Brasília, sem esperar reação nenhuma em troca?

O problema é que não se conhecem os limites. Ninguém percebe a hora de parar. Principalmente no meio televisivo. Porque vale tudo pelo IBOPE, até tomar tapa na cara.

Coitadinhos…

Nota: antes que os ignorantes possam pensar, não estou defendendo político corrupto nem tampouco o comportamento do técnico Dunga. Só estou questionando a forma como a TV trata tudo isso.

Anúncios
comentários
  1. Menezes disse:

    Se cada um de nós pensantes, tivesse a oportunidade que eu tive com um não pensante, poderiamos mudar muita coisa! Você está coberto de razão! Confesso que as vezes penso em desistir! Ando cansado de ver tanta ignorância! Um dia destes estava na cantina da empresa onde trabalho, e conversava com um amigo sobre Imposto de renda na fonte (aquele que eu pago todo mês, e não tenho retorno nenhum), do lado um amigo operário da produção ouvia e exclamou: “Ainda bem que sou isento e não pago imposto!”, pronto, lá fui eu explicar ao amigo X: “Amigo X, vc compra feijão, farinha, pão, leite, pega ônibus, paga luz, compra pirulito para seus filhos? Então amigo vc paga imposto sim e muito!”. Pelo menos esse se esforçou e aprendeu, saiu dali com outra visão de como os governantes, de um modo quase geral no brasil (é minusculo mesmo), gasta muito e mal! Sem falar nas maracutaias dos corruptos eleitos por essa maioria que não pensa! É um quadro triste! Mas eu continuo!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s